EDP vai investir 7 mil milhões de euros

O novo plano estratégico da empresa prevê uma aposta nas renováveis e a redução do endividamento.

A EDP pretende investir 7 mil milhões de euros até 2022, revelou esta terça-feira o Jornal de Negócios. Segundo o novo plano estratégico da empresa, que está a ser apresentado em Londres e já foi comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (regulador da bolsa), o grosso do investimento será feito no sector da energia renovável e no continente americano.

A empresa tenciona distribuir 3 mil milhões de euros em dividendos até 2022 e atingir lucros acima de mil milhões. No mesmo período, a dívida (cujo montante atinge 13,5 mil milhões de euros) deverá ser reduzida em 2 mil milhões de euros. O plano inclui a venda de activos na Península Ibérica, pelo menos 2 mil milhões de euros, sobretudo em centrais térmicas, o que dará reduções de custos de 300 milhões anuais. Nos próximos quatro anos, a EDP quer melhorar substancialmente a proporção de dívida líquida face ao EBITDA, para um rácio inferior a três, em vez dos actuais quatro.

Em 2018, a EDP obteve um lucro de 519 milhões de euros, menos 53% do que conseguira em 2017. Foi o valor mais baixo desde 2004.

Mais Notícias
Comentários